Todo mundo fala sobre o Vale do Silício, menos a verdade!

COMPARTILHE COM SEU TIME!

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram
vale do silício

O Vale do Silício transpira inovação e bilhões de dólares, sendo lá as sedes das maiores e mais inovadoras empresas do mundo.

Mas você sabe o que todas essas gigantes possuem em comum, gerando grande escala de negócios e se tornando referência para milhares de empreendedores em todo o mundo? Eu vou te explicar aqui!

Cultura do Fracasso no Vale

google glass
Fracasso do Google Glass

O fracasso faz parte da cultura do Vale do Silício e inclusive é muito valorizada. Para os empreendedores do vale do silício, o fracasso está diretamente associado ao sucesso.

O grande segredo deles é não se prender e gastar energia com algo que aparentemente pode estar com problemas e fracassando, de forma a conduzir um “fracasso rápido”, direcionando a estratégia para uma nova direção.

Um grande exemplo disso é o Google Glass, um produto bastante controverso da gigante da tecnologia.

Inicialmente o produto foi aclamado por entusiastas da tecnologia e tudo parecia ir muito bem, até se iniciarem as vendas do produto.

Primeiramente, o Google pecou por cobrar US $1500 pelos óculos, sofrendo duras críticas dos usuários e sendo considerado ao mesmo tempo a pior e a melhor invenção de todos os tempos.

Outro grande motivo para o fracasso do Glass com os consumidores foi a questão da privacidade. Muitas pessoas começaram a questionar se ele não poderia ser utilizado para roubar informações pessoais, para tirar fotos sem autorização, entre outras coisas que colocaram em xeque a viabilidade do produto.

Com tudo isso, a gigante da tecnologia decidiu colocar um ponto final na trajetória do Glass, retirando ele do mercado e não persistindo em um produto que aparentemente geraria problemas.

Consegue perceber aqui a cultura do erro? A gigante da tecnologia teve um “fracasso” e direcionou e abortou o projeto, direcionando seus esforços para outras direções.

Você costuma persistir nos seus erros ou usa isso para melhorar a sua estratégia? Pense nisso…

Capital Humano no Vale do Silício

equipe facebook
Equipe trabalhando na sede do Facebook

As maiores empresas do Vale do Silício valorizam e muito o capital humano, sendo também para eles um desafio gigantesco atrair e reter os bons talentos que dão origem a soluções inovadoras.

Uma equipe medíocre tende a gerar uma empresa medíocre. Por esse motivo devemos fazer esforços para reter os nossos melhores talentos para se tornar uma empresa destaque.

Todas as gigantes do Vale do Silício possuem diversos benefícios para os seus funcionários. Por exemplo, a sede do Facebook conta com diversos restaurantes e serviços como academia, barbearia e vários restaurantes espalhados por todo o local.

As empresas também possuem espaços de descanso para os funcionários e até salas para que eles possam tirar uma soneca durante o expediente.

A Google também possibilita para os seus funcionários uma rotina flexível, onde o profissional pode escolher as horas que vai para o escritório, se vai de pijama ou bermuda, se leva seu cachorro ou deixa em casa.

Além disso, todos eles podem usar 20% do seu tempo para se dedicar a projetos próprios. Essa cultura é diretamente responsável pela satisfação dos funcionários e os resultados criativos e inovações que eles apresentam.

É claro que, com tudo isso, vêm grandes responsabilidades. Há uma grande exigência em relação a metas e produtividade dos funcionários.

Por isso, você não verá ninguém na Google passando o dia todo cochilando no sofá ou se divertindo na sala de jogos. A liberdade deve ser usada com bom senso, em equilíbrio com a rotina de trabalho.

Foco na cultura da Empresa

cultura apple
Principios repassados à equipe

Analisando a cultura do Vale do Silício, conseguimos perceber que mesmo se a sua empresa não seja um unicórnio com mais de US $1 bilhão em valor de mercado, ainda assim consegue inserir a inovação no negócio da mesma forma que gigantes como Apple, Google e Facebook.

Mas como isso?

A grande maioria dos empreendedores do Vale do Silício tem como objetivo mudar o mundo com as suas soluções e trabalham com paixão nisso, transmitindo isso para todos os funcionários.

Para criar uma cultura forte, você precisa ter comportamentos e propósitos claros e compartilhados, que sempre guiarão todos nas suas decisões e escolhas.

Os profissionais devem compartilhar e acreditar nesse propósito. Assim, eles se dedicarão ao máximo nas suas atividades diárias e serão capazes inclusive de ir além em suas atividades.

Colaboratividade no Vale do Silício

ambiente colaborativo
Ambiente colaborativo

No Vale do Silício, ideias e soluções são compartilhadas a todo o momento, e isso está relacionado diretamente com a cultura das empresas.

O resultado disso é um ambiente com muitas trocas e colaboração. Além disso, as informações fluem muito mais facilmente entre os profissionais.

Externamente, a colaboratividade resulta em um ecossistema de trabalho coletivo e que trabalha junto por uma empresa e um mundo melhor.

E aí, vamos começar a aplicar nos nossos negócios um pouco da “essência” do Vale do Silício?

Gostou do que leu?

Então confira outros artigos recomendados pra você!